2010-03-31

Das coisas que me enlouquecem...

... ou, melhor dizendo, das que me enlouquecem ainda mais (porque louco eu já sou faz tempo!)

Vivo tempos atribulados, e não é de hoje.

Se me lembro corretamente, isto tudo começou mais ou menos há uns 40 anos, 10 dias e 23 horas atrás... =P

Eu deveria estar mais acostumado, mas isto ainda não aconteceu. O tempo passa, o tempo voa, e minha poupança (pun really intented) fica tudo menos numa boa:

  • Eu ainda choro dias quando uma namorada me dá o fora;
  • eu ainda me mordo de ciúmes (mesmo sem tentar ter uma vida moderninha!)
  • eu ainda pasto para cumprir minhas promessas (por ordem de chegada!);
  • eu ainda sofro com a dor de amigos como se fosse minha;
  • eu ainda me esfolo pra tentar ajudar, mesmo sabendo que não conseguir;
  • eu ainda prefiro um tapa na cara sincero a uma mentira carinhosa.

Mas acima de tudo eu ainda tento, e tento, e tento, e quando não funciona, eu estudo, pesquiso e depois tento de novo até conseguir - ou deixar de ser necessário...

É Foda.

Muito.

Porque no frigir dos (meus) ovos, é a minha vida que tô gastando.

Gastando, ao resolver problemas que não são necessáriamente meus; que não precisariam ser meus; e que acabam sendo porque tem gente que insiste em depositar na conta dos outros a fatura de seus próprios erros.

Gente próxima demais de mim, e da qual eu não consigo me defender. Ainda.

Mencionei que já tô com 40 anos e que a média de vida na minha família é lá pelos 60, 70? ¬¬

Foda.

Muito foda.

Meu guri continua longe, minhas guitarras tão pegando poeira na minha sala. Minha casa ainda parece um acampamento de adolescentes (o que não é todo ruim! =D). Meu piano digital (e isto sim é que é ruim!), ainda pega mofo na garagem de uma amiga querida em Manaus. Nem quero pensar na minha biblioteca...

Isto tudo eu vou resolver. Algumas, bem em breve.

Mas me incomoda estes três anos em que adiei tanta coisa importante por causa dos outros. É possível que eu devesse ser (ainda mais) egoísta, mas a merda é que além de teimoso, sou orgulhoso: eu ainda acho que vou conseguir fazer tudo pra quem eu amo e que vai sobrar tempo pra fazer o que eu quero.

Foda.

Muito foda.

Mas ao menos, eu gozo no final! :-)

Até porque, vejam só... Fazem 10 dias que passou meu aniversário e eu ainda não perdi o meu emprego (nem a namorada)! =]

Questões:


1 Lições:

Blogger Márcia ensina...

Pô Pink, feliz aniversário beeeem atrasado! 40tinha é??!?!? Com corpitcho de 39! Hehehehe...
Mas, é isso aí, força na peruca. Eu ainda tenho fé que um dia as coisas se estabeleçam, se equilibrem... O negócio é continuar tentando mesmo: água parada cria lodo, néwwmm?
Inté!!!!!

10 de mai de 2010 11:06:00  

Postar um comentário

<< Home