2005-07-27

Identidade, Medo, Desejo. Paixão?

Há uma história [hindu] maravilhosa sobre o deus da Identidade, que disse "Eu sou". E assim que disse "Eu sou", teve medo.

[Teve medo] porque passou a ser uma entidade, no tempo. Então pensou "De que eu poderia ter medo, se sou a única coisa que existe?" E assim que o disse, sentiu-se solitário, e quis que houvesse outro, ali, e então sentiu desejo. Aí cindiu-se, dividiu-se em dois, tornou-se macho e fêmea, e originou-se o mundo.


Joseph Campbell

Paixão é Amor (desejo?) em grande intensidade mais Medo em grande intensidade.


Flávio Gikovate
Terei captado uma espécie de "Design Pattern"?? o_O